domingo, 19 de dezembro de 2010

2010 - mudança permanente ou a reinvenção da vida




o balanço chega um pouco antes de tempo, para dar balanço até ao final do ano.
ainda voltarei para as boas festas.
2010, há muitos anos era conotado com a "odisseia no espaço".
mal adivinhava que seria um ano cheio, pleno, intenso como apenas outros 3 haviam sido.
e ainda mais um bocadinho.



1º trimestre
em janeiro iniciei a época com trilhos na mira. depois de aljubarrota e do fim da europa, condeixa e almourol, 2 grande aventuras inesquecíveis.
A Rita anunciou-se e mal sabia o quão feliz nos faria.



2º trimestre
um susto, um grande susto ... as corridas acalmam, passando a exercício e não treino.
mas ainda tempo para o GP do Guincho, em dia de muito calor e de elevado prazer.



3º trimestre
aproximava-se a Rita a passos largos. tempo de actividade moderada, de preparação mental.
tempo para voltar aos trilhos de monsanto e desfrutar de uma bela prova.
e tempo para voltar a sentir no pêlo as alterações degenerativas no lombo.
tempo para uma útlima corrida no asfalto, os 10 km do destak.



4º trimestre
A Rita ... o Rodrigo e o André: indissociáveis, unos, as maiores maravilhas que a vida me poderia dar.
voltar aos biberãos, a mudar fraldas, a embalar uma nova vida, a formatar essa nova vida.
e as minhas 3 vidas mais que tudo, em momentos tão distintos, com necessidades tão específicas, a colocarem-me à prova em todos os segundos, a fazerem-me sair da zona de conforto e crescer à força, ou pelo menos, a reinventar-me, porque "tem mesmo que ser"!



a confirmação de 2 hérnias, o repouso activo, até Março de 2011 não há corrida.
trilhos, talvez nunca mais.
mas há sempre outras coisas, há sempre mais, há sempre soluções. e nunca parar, nunca!!!
e o deleite com as minhas crianças, sempre, mais e mais, em cada dia, uma riqueza, a riqueza.



as caminhadas serenas, o regresso à piscina, os 45 minutos de cada vez dentro de água, no meio original, onde tudo pára e a mente agradece. onde se agradece ao universo o poder estar bem.



Ah! e para juntar à festa, um novo projecto, novo trabalho, nova aposta, um novo risco, em ano de mudança, só faltava mais esta. novas funções iniciadas no dia 13-12. para dar sorte pois claro!!! :)


o risco da aventura, sempre ... a ver vamos, mas sem tentar nunca saberemos.


e ao fim de 1 semana já aprendi mais coisas, já valeu a pena a mudança, mesmo que terminasse hoje, conheci novas pessoas, novos projectos, novos métodos, uma nova realidade.


e aqui vamos, numa montanha russa que apenas faz sentido se for vivida em pleno.



estou vivo, com vida, com energia, com maleitas e destroços de batalhas, mas porque lá estive.
viva 2010, viva 2011, viva sobretudo o momento presente, cheio de ideias, projectos, vontade e inconformismo.



sempre para a frente, sempre, sempre, que o caminho está à espera que o desenhemos.

abraço.
ate breve,
antónio

p.s. - e sabem que mais? a seguir à fisioterapia que durará umas 5 ou 6 semanas, agora meti na cabeça que quero experimentar "chi kung".
podia ser pior. mas isto de ir ganhando ferramentas para caminhar até aos 90 tem piada.

4 comentários:

Anónimo disse...

António
um prazer sempre passar por aqui.
Abraço,
AAlmeida

Carlos Castro disse...

Grande ano, amigo António!
Gostei daquela: "...porque lá estive." - Quem foi à luta já é um ganhador!
Um abraço e um óptimo Natal (o primeiro da Rita!)!

Mário Lima disse...

António

E como sei que nunca te vais conformar, espero que o Novo Ano te traga novas aventuras, não esquecendo as que já te aventuraste neste ano.

Para toda a família, agora acrescida de mais um elemento, que tenham um Feliz Natal e um Ano Novo cheio de Saúde, Amor e dinheiro para gastos.

:)

Abraços

Carlos Lopes disse...

Bom Natal