terça-feira, 27 de abril de 2010

37 (Angra do Heroísmo e Ricardo Batista)


interrompendo a hibernação tartarugueira (um destes dias, está quase!, sairei da concha), desejo postar um agradecimento ENORME ao ricardo bastista, o Homem do "Aguenta-te Sempre".


passo a explicar:
- fiz uma visita relâmpago a angra do heroísmo entre domingo à noite e 2ªf.
quase como ir a Braga e voltar, só que de avião :)

tinha postado no blogue do ricardo a minha ida e deixado o desafio:
- ou treinávamos no domingo pelas 23h, após a minha chegada, ou na 2ªf de manhã.

pelas 6am de 2ª f com uma chuva intensa, saí do hotel sob o olhar atónito do jovem na recepção. curiosamente 5 minutos depois parou de chover. andei sempre junto ao mar, a bela angra serena, sem movimento, a receber-me de braços abertos.

o monte brasil imponente, a clamar por um bom treino de trilhos ... que não seria possível.

passei pela zona de bons hotéis, pelo prédio onde havia comprado há muitos anos uns bordados como recordação e pela segurança social, rumo ao centro.

a escola primária infante dom henrique mostrava que em angra pouco ou nada mudou, aos olhos deste lisboeta, nos últimos 11 anos.

a mesma beleza, a mesma pacatez, a mesma harmonia, entre o pedaço de terra, o destemido Homem e o imponente mar, sempre presente, sempre ameaçador, sempre guardador.

cheguei ao clube náutico, voltei para trás, passei novamente pelo hotel, pela residência do "representante da república", por um conjunto de moradias e quintas de sonho, um convento e, voltando novamente para trás, parei à porta do hotel, fresco, rejuvenescido, com 51 minutos de corrida.

o dia seria de trabalho intenso até porque não dava jeito perder o avião ao final da tarde. no final do dia de trabalho, informaram-me que estava à minha espera um senhor chamado ricardo batista.

nem quis acreditar :)

pedi para lhe comunicarem a que horas estaria pronto. no final, quando me dirigi à saída, lá estava o simpático ultra açoreano.

trocámos breves palavras. o horário dos vôos e do check in comandava a agenda.

despedimo-nos, combinando um próximo encontro, não sabemos bem onde, mas ... onde calhar. seguimos. OBRIGADO ricardo, por teres seguido o meu trilho e ainda teres tido a pachorra de me ir cumprimentar ao final do dia.

fiquei a ganhar duas vezes, uma pelo treino que fiz (infelizmente sem a tua companhia), a outra por ter podido dar-te o bacalhau que havia imaginado.

grande abraço.

até breve e bons treinos e provas, e treinos nas provas :)

ab - tartaruga

2 comentários:

Anónimo disse...

Olá "tartaruga"
pena não terem treinado mas do mal o menos, deu para conhecer o Ricardo.
Agora fartei-me de rir foi com o nome do hotel em que ficaste.
Volta lá a hibernar que é por uma boa causa, digo eu.
Abraço e até breve.
Teu amigo corredor.

Mário Lima disse...

Olá António

Deixaste a hibernação e isso é sinal que o tempo está melhor. Melhor mas não em todo o lado, mas com início do treino a essa hora até S. Pedro dormia.

Quanto olhou cá para baixo e te viu, disse lá para ele: «Olha, uma tartaruga!» e mandou parar a chuva.

:)

Pelos vistos passate por locais que te dizem muito e assim juntaste o útil ao agradável e com o encontro final tiveste um dia em cheio.

Bom regresso às lides... escritas!